9 de abril de 2016

Minuta PROCURAÇÃO - PODERES: Administrar todos os bens, direitos e interesses do outorgante, podendo comprar, doar, permutar, dar em pagamento, vender, hipotecar...

a quem confere poderes amplos para gerir e administrar todos os bens, direitos e interesses do outorgante, podendo comprar, doar, permutar, dar em pagamento, vender, hipotecar, financiar, ceder e transferir direitos ou por qualquer outra forma, alienar ou onerar a quem convier, pelo preço, cláusulas e condições que livremente convencionar, quaisquer bens-imóveis, móveis, semoventes, veículos, telefones e outros, receber, outorgar, anuir e assinar quaisquer escrituras públicas ou contratos particulares, com todas as cláusulas e solenidades necessárias a validade deles, alterar, prorrogar, rescindir, retificar e ratificar, ceder e transferir quaisquer contratos, pagar, ajustar e receber o preço, à vista ou parcelado, recebendo e dando as respectivas quitações, descrever e confrontar os bens imóveis, aceitar e transmitir posse, domínio, direitos e ações, fazer as transações que julgar conveniente, firmes e isentas de dúvidas pelos {a) outorgante seus herdeiros ou legais sucessores, representa-lo {a) para esse fim, perante todas as repartições públicas federais, estaduais, municipais e autárquicas, Serventias Notariais, Serventia Registrais e Serventias em geral, Receita federal, Policia Federal, Estadual e Municipal, Detran, Prefeituras, Companhias de Seguros, Companhias Telefônicas, Corretoras de Seguros, Institutos em geral, Agentes Financeiros, Sociedades, Consórcios em geral, INSS, Consulados, Embaixadas, Correios, Juntas Comerciais, Faculdades, Universidades e outros, podendo, requerer, alegar, e assinar o que convier, promover matrículas e cancelamentos de matrículas, ceder e transferir quotas, apresentar e retirar documentos, juntar e desentranhar documentos e papéis, assinar e preencher guias, formulários, requerer cópias e certidões, e certidões de antecedentes criminais, pagar taxas, custas e emolumentos, receber e dar quitações, assinar termos, compromissos e requerimentos, plantas, subdivisões, loteamentos, condomínios, unificações e desmembramentos, assinar contratos de transferências ou quaisquer outros instrumentos públicos ou particulares, inclusive contratos de financiamentos e contratos sociais, dar garantias hipotecárias, requerer baixa de hipoteca, prestar aval e fiança, com todas as cláusulas e solenidades necessárias à validade deles, receber vencimentos, haveres, pensões, benefícios, FGTS, PIS, e outras vantagens, receber e dar quitações, pagar e receber imposto de renda, prestar declarações e informações, pagar prestações da casa própria, apresentar provas e demais documentos, receber e pagar contas do {a) outorgante por quaisquer origens e a quaisquer títulos, dando e recebendo quitações, alugar e arrendar bens imóveis, assinando para tanto os competentes contratos de locações ou arrendamentos, receber e pagar aluguéis, dar e receber quitações, rescindir e assinar novos contratos, requerer despejo de inquilinos, representa-lo {a) perante todos e quaisquer estabelecimentos bancários e/ou Cooperativas de Crédito em Geral, inclusive BANCO CENTRAL DO BRASIL; BANCO DO BRASIL S/A., BANCO BRADESCO S/A., BANCO ITAÚ S/A., BANCO CITYBANK S/A., BANCO SANTANDER S/A., CAIXA ECONÔMICA FEDERAL, perante quaisquer Cadernetas de Poupança e contas correntes, nesta Capital ou fora dela, podendo abrir, movimentar, verificar, encerrar e levantar contas correntes de quaisquer espécies ou modalidades, movimentar, gerir, operar e administrar as contas via gerenciador financeiro via web, internet, requisitar talonários de cheques, emitir, endossar, receber e descontar cheques, requerer e retirar cartão magnético, registrar e solicitar senhas eletrônicas, cadastrar, alterar e desbloquear senhas, proceder toda e qualquer movimentação com cartão magnético ou outros meios digitais, receber e emitir ordens de pagamentos, proceder depósitos e retiradas, aceitar e estabelecer cláusulas e condições de depósitos, requerer saldos, juros e extratos de contas correntes, solicitar microfilmagem e sustação de cheques; requerer e retirar cheques devolvidos, assinar o que convier, fazer e resgatar aplicações, transferências e investimentos, emitir, endossar, receber e aceitar notas promissórias, duplicatas e Letras de Câmbio, requerer e enviar remessas financeiras ao Exterior, em nome do {(a) outorgante, requerer, alegar e assinar o que mais convier; podendo ainda, representa-lo {a) na Justiça Especial, Justiça Comum, SEPROC - Serviço Central de Proteção ao Crédito, SERASA - Serviço de Proteção ao Crédito, perante todas e quaisquer empresas de Cartões de Créditos, inclusive Mastercard, Visa, American Express, Dinners Club, Hipercard; representa-lo {(a) na Justiça em geral, como autor, réu, assistente, oponente ou de qualquer forma interessada, nomear e constituir advogados, com os poderes contidos nas Cláusulas "AD-JUDICIA", "ET-EXTRA" e "AD-NEGOTIA" e os especiais para transigir, desistir, firmar compromissos ou acordos, receber e dar quitações, receber intimações, requerer alvarás judiciais, impetrar mandado de segurança, requerer e promover inventários, JUDICIAL OU EXTRAJUDICIAL, podendo requerer o que necessitar, descrever bens e herdeiros; formular as declarações de praxe, prestar promessa legal de inventariante, assinando os respectivos termos, requerer alvarás judiciais para quaisquer fins, podendo efetuar a partilha, de bens em nome do (a) mandante e ainda outorgar escrituras públicas de inventário e partilha/sobrepartilha de bens deixados por dito espólio, requerer, alegar e assinar o que se fizer necessário; acompanhar e habilitar o {(s) outorgante {[s) nos respectivos inventários ou arrolamento dos bens, inclusive nomear inventariante, enfim, requerer, alegar e assinar o que se fizer necessário e indispensável ao bom e fiel cumprimento do presente mandato, e substabelecer no todo ou em parte se lhe convier.
O(s) nome(s) e dados do(s) procurador (es) e os elementos relativos ao objeto do presente instrumento foram fornecidos e conferidos pelo(s) outorgante(s), que por ele(s) se responsabiliza(m). EM CASO DE TRANSAÇÃO IMOBILIÁRIA, ESTA PROCURAÇÃO SÓ TERA VALIDADE COM A APRESENTAÇÃO DOS DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS DA PROPRIEDADE DO(S) IMÓVEL (EIS), EM NOME DO(S) OUTORGANTE(S), QUE AQUI A DECLAROU (ARAM) SOB AS PENAS DA LEI.

Google+ Followers